Sejam bem-vindos ao Chris Hemsworth Brasil! Somos um site criado por fãs, sem fins lucrativos, com o objetivo de informar. Não temos contato com Chris Hemsworth ou seus agentes e é proibida a cópia total ou parcial deste site. Todo o conteúdo é creditado aos seus devidos criadores.

Durante uma entrevista exclusiva ao Screen Rant, John Pollono, roteirista da cinebiografia de Hulk Hogan, elogiou Chris Hemsworth por suas habilidades de atuação. Hemsworth está prestes a retratar o lendário lutador em um filme da Netflix que ainda não tem título e ainda não começou a ser filmado. Embora não se saiba muito sobre o filme biográfico, é sabido que Hogan serviu como produtor executivo e consultor para o projeto, no qual ele está de olho no progresso do fisiculturismo de Hemsworth.

Indiscutivelmente um dos lutadores profissionais mais famosos de todos os tempos, Hogan trouxe Hulkamania à vida nas décadas de 1980 e 1990. Conhecido por suas travessuras dentro do ringue, a aparência física de Hogan desempenhou um papel crucial em sua persona intimidante, especialmente seu bigode e bíceps protuberantes. Nunca foi um estranho aos holofotes, seu carisma natural e habilidade de atrair o público ajudaram a dar um salto na carreira de ator que começou em 1982 com “Rocky III – O desafio supremo” e incluiu um papel de protagonista em “Comando Suburbano”, de 1991. Hogan viveu uma vida digna de tratamento cinematográfico, e parece que os criadores de seu próximo filme biográfico não poderiam estar mais felizes com a escolha do elenco.

O Screen Rant sentou-se com Pollono e os atores John Bernthal e Shea Whigham para uma entrevista exclusiva para discutir seu filme recente, Small Engine Repair. Durante a entrevista, Pollono foi questionado sobre Hemsworth ser escalado para interpretar Hogan no próximo filme biográfico. Pollono respondeu elogiando Hemsworth como ator e citando seu alcance impressionante. Veja a resposta de Pollono abaixo:

“Olha cara, não sei o que posso falar sobre isso. Eles mandam esse roteiro para as pessoas e precisam lê-lo em duas horas, é ultrassecreto, então não vou ser o cara que será demitido por isso. Mas vou te dizer, estou muito orgulhoso do trabalho, é ótimo. Vindo do teatro, gosto de escrever para atores, e Scott Silver, que co-escreveu isso comigo, foi como um mentor no início da minha carreira e alguns dos meus roteiros favoritos foram escritos por ele, então é uma alegria trabalhar com ele. Mas eu adoro escrever para grandes atores, acho que Chris Hemsworth, como esses caras, ele é incrível. Você pode torná-lo engraçado e trágico e todas essas coisas. Estou muito animado para ver o filme e espero – não sei o quão compatível seria o filme devido ao Covid, porque em algumas cenas eles têm cerca de 30 mil pessoas na multidão, então espero que eventualmente eles consigam. Eu mal posso esperar para ver algum dia”.

O filme será dirigido por Todd Phillips e ainda não possui previsão de lançamento.



Em entrevista a Empire Magazine de Julho, Taika Waititi, o homem responsável por reviver a franquia de Thor na Marvel com o mega-sucesso de “Thor: Ragnarok” (2017), contou que os fãs podem esperar do deus nórdico e do próximo – e quarto – filme do vingador, “Love and Thunder”, seja radicalmente diferente do anterior.

“Bem, que fique entre nós e os leitores, mas eu já fiz muitas coisas loucas na minha vida. Eu vivi, tipo, dez vidas em uma. Mas é o filme mais louco que eu já fiz”, reiterou o diretor, escritor e ator à Empire.

Mas agora Waititi está esclarecendo que é “louco” porque o que ele criou “não deveria fazer sentido”. De acordo com o diretor, o que torna o próximo filme da Marvel tão sensacional é como ele foi capaz de proteger todos os seus vários elementos – do enredo ao elenco.

“Se você pegar todos os elementos deste filme, ele não deveria fazer sentido”, disse ele. “É quase como se não devesse ser feito. Se você entrasse em uma sala e dissesse: ‘Eu quero isso e isso e isso’. Quem está nele? Essas pessoas. Como você vai chamá-lo? Amor e trovão [Love and Thunder]. Quer dizer, você nunca trabalharia de novo. Talvez eu não consiga [mais trabalhar] depois disso”.

O vencedor do Oscar não apenas disse por que fazer o filme era tão louco. Ele também compartilhou um pouco sobre o que os fãs podem esperar do próximo filme, e ele está prometendo uma história “muito diferente” de Thor: Ragnarok.

“Haverá muito mais emoção neste filme. E muito mais amor. E muito mais trovão”, disse ele. “E muito mais Thor, como você já viu nas fotos”.

“Thor: Love and Thunder” está previsto para chegar aos cinemas no dia 6 de maio de 2022. Além de Chris Hemsworth retornando para seu papel de Thor, o filme tem confirmado em seu elenco: Natalie Portman (Poderosa Thor/Jane), Tessa Thompson (Valkyrie), Jeff Goldblum (Grande Mestre), Chris Pratt (Senhor das Estrelas/Peter Quill), Dave Bautista (Drax O Destruidor), Pom Klementieff (Mantis), Karen Gillan (Nebula), Russell Crowe (Zeus), Matt Damon, Sam Neill e Luke Hemsworth com participações especiais, e talvez o mais emocionante, Christian Bale como o vilão, Gorr, o Carniceiro dos Deuses



Fonte: PageSix
Tradução e adaptação: Equipe CHBR

Quer ter a aparência do Deus do Trovão?

O treinador de Chris Hemsworth, Luke Zocchi, e o dublê de longa data Bobby Holland Hanton, compartilharam o que é preciso para se parecer fisicamente com Thor.

“Chris leva isso muito, muito a sério, e a forma que ele assume é fenomenal”, disse Hanton, que foi dublê do ator em 13 filmes, ao Page Six. “Existe um processo real para atingir esses objetivos. Mas acho que nos últimos 10 anos, conseguimos encontrar maneiras de fazer isso”.

E de acordo com Zocchi, que é amigo de Hemsworth desde os 8 anos de idade, tudo se resume a “consistência, trabalho árduo e também comer os alimentos certos”.

Um dos principais desafios da estrela de “Vingadores”, quando se trata de ganhar peso, é consumir o suficiente para abastecer seu corpo. “Quando começamos a preparação para filmes como ‘Thor’, é um aumento enorme na comida”, disse Zocchi. “Ele come, tipo, de seis a oito refeições por dia”.

Ele acrescenta que, como a estrela australiana tem um impressionante 1,8m de altura, ele precisa trabalhar muito mais para ingerir as milhares de calorias necessárias para criar massa muscular.

“Nós meio que temos uma estrutura. Ele descobriu que se ele come uma refeição realmente grande, ele, tipo, se sente muito pesado, então são refeições de 450 calorias divididas em oito”, disse Zocchi. “Tentamos comer a cada duas horas e obtemos 450 calorias [de cada vez]”.

Hemsworth normalmente gosta de algumas refeições maiores por dia – como bife, frango e peixe ou batata-doce com arroz branco – e depois passa para refeições menores, como shakes de proteína entre elas.

Zocchi, com a ajuda de um chef, permanece no set para garantir que Hemsworth coma nos horários adequados durante as filmagens. “Eu normalmente continuo servindo comida para ele o dia todo”, ele disse, brincando, “Eu sou como a avó dele dando comida para ele”.

Mas manter sua ingestão de calorias é apenas parte do processo de Hemsworth, já que o treinamento consistente é uma parte fundamental para parecer com Thor.

“É normalmente levantamento de peso e treinar pelo menos uma vez por dia, às vezes duas vezes por dia”, disse Zocchi. “As pessoas ficam surpresas que normalmente não treinamos mais de uma hora por sessão. Normalmente é um treino intenso e pesado, mas normalmente terminamos em uma hora, porque acabamos o pressionando com toda a força durante aquele tempo. É uma hora intensa, não é como se ficássemos parados tirando fotos para o Instagram”.

Junto com o treinamento com pesos, Hemsworth mistura sua rotina e se volta para o boxe, treino HIIT e outras formas de preparação física.

“Tentamos pegar as melhores partes de muitos estilos [de treino] diferentes”, disse Hanton. “Acho que o principal é tentar encontrar esse meio-termo feliz, esse equilíbrio para dar a você a melhor chance possível de alcançar o que precisamos em cada filme”.

E qualquer pessoa pode ter acesso ao plano de bem-estar que o astro usa para se tornar Thor. Hemsworth, Zocchi e Hanton uniram forças em 2017 para lançar um aplicativo de treino chamado Centr e, desde então, criaram um programa de 10 semanas para alcançar resultados semelhantes aos do Thor.

“Chris disse para mim: ‘Queremos ser as versões mais fortes e mais saudáveis de nós mesmos nesse próximo ‘Thor’. Queremos levar isso a um próximo nível’”, contou Hanton. “Sabe, cada [filme do] ‘Thor’ e ‘Vingadores’, ele está sempre em uma forma incrível. Para ele querer levar isso para o próximo nível, foi outro grande desafio”.

O trio juntou suas cabeças e, após algumas tentativas e erros, eles criaram um “plano monstro”. E assim nasceu o novo programa Centr para “parecer com Chris”.

“Acho que alcançamos os melhores resultados”, disse Hanton. “Creio que é a melhor forma que eu e Chris já tivemos em toda a minha vida. Acho que nos destacamos e fomos além do que pensávamos que realmente poderíamos alcançar com uma ligeira adaptação”.

O programa inclui exercícios, planos de nutrição e exercícios de relaxamento porque, como disse Zocchi, “é tudo uma questão de equilíbrio”.



Anualmente a coroa britânica honra uma lista de pessoas no “Queen’s Birthday Honours List” (Lista de Honra do Aniversário da Rainha). Essas honrarias são uma forma de reconhecer feitos extraordinários de indivíduos do Reino Unido e de outros países que tem a coroa britânica como chefe de estado, como a Austrália e Nova Zelândia. Neste ano especificamente, o reconhecimento vai para ações durante a pandemia.

Segundo o site do governo britânico, “a lista inclui aqueles que tem trabalhado durante a crise, colocando os outros na frente deles mesmos – desde vizinhos atenciosos, heróis da linha de frente e comunitários, a aqueles apoiando a recuperação do Reino Unido”.

Dentre os honrados de 2021 está Chris Hemsworth, selecionado pela sua dedicação à caridade e às artes. Desde 2009, quando se tornou embaixador da Australian Childhood Foundation – que cuida de crianças que sofreram abuso – sua filantropia tem se expandido.

Em 2020, Chris Hemsworth doou 1 milhão de dólares para ajudar no combate aos incêndios devastadores que assolaram a costa leste da Austrália e, desde então, continuou a apoiar grupos que trabalham na recuperação do ambiente atingindo, como o Friends of the Koala.

O ator também é conhecido por ter trabalhado com outras instituições como a Baby2Baby, Motion Picture and Television Fund Foundation, Hollywood Charity Horse Show, J/P Haitian Relief Organisation, Oceana e the Robert F Kennedy Memorial.



Em Julho deste ano, mais precisamente no dia 05, começa o maior evento anual do National Geographic, o Shark Fest. Com duração de 6 semanas e transmissão nos canais da Nat Geo e no Disney+, o Shark Fest, como o nome sugere, é uma série de programações dedicadas aos tubarões.

Dentre outros programas, Chris Hemsworth fará a abertura do evento com o documentário “Shark Beach with Chris Hemsworth, que estreia dia 05 de julho. Surfista e ambientalista, Hemsworth irá mergulhar em uma missão única para investigar as medidas propostas para proteger a coexistência entre humanos e tubarões e para descobrir a verdade por trás do aumento de ataques de tubarões na Austrália.




Junto com os maiores especialistas em tubarões do mundo, Hemsworth começa sua jornada perto de casa, em Byron Bay, na Austrália. Ali Chris investiga o porque dos ataques e se junta a biólogos locais para descobrir como as medidas preventivas aplicadas funcionam para evitar encontros trágicos.

Além disso, ele também irá descobrir os mais recentes avanços na ciência dos tubarões focada em proteger tanto esses animais como humanos. Hemsworth está procurando respostas apara ajudar a pavimentar o caminho para uma vida mais harmoniosa com esses grandes predadores.

“Passei grande parte da minha vida perto ou no oceano, compartilhando o mesmo quintal com tubarões e, recentemente, houve uma preocupação crescente com o aumento da atividade dos tubarões”, diz Hemsworth. “É crucial reverenciar e respeitar os tubarões. Nossos oceanos dependem desses predadores de ponta para um ecossistema biodiverso; no entanto, também devemos aprender como nos proteger, e esse é meu principal objetivo em Shark Beach . ”



Segundo Geoff Daniels, vice-presidente executivo de entretenimento do National Geographic, o motivo de terem escolhido Chris Hemsworth foi por que “ele é um defensor destemido da natureza com um compromisso comprovado com a conservação e tem uma disposição incomparável de fazer o que for preciso para ajudar a proteger os tubarões nas gerações vindouras”.

Jane Root, CEO e fundadora da Nutopia completa, “Como alguém interessado em conservação, Hemsworth tem uma profunda admiração por essas criaturas e sabe como os tubarões podem ser perigosos para nadadores e surfistas. Estamos entusiasmados com a parceria com ele para explorar novas maneiras de ambos viverem juntos com segurança”.

Shark Beach também conta com Chris Hemsworth e Ben Grayson, parceiro de Chris na Thematic Entertainment, como produtores executivos.



Aconteceu na última segunda-feira (19), em Sydney, uma coletiva de imprensa onde a primeira-ministra New South Wales, Gladys Berejiklian anunciou que “Mad Max: Furiosa”, a prequela da icônica franquia “Mad Max”, será filmado em Sydney e região de New South Wales. A coletiva contou com a presença de Chris Hemsworth, que estrelará o filme ao lado de Anya Joy-Taylor, do diretor George Miller e do produtor Doug Mitchell.

“Furiosa” está previsto para ser lançado em junho de 2023 e deve se tornar o maior filme já feito na Austrália.

Hemsworth disse que estar envolvido em tal projeto em sua terra natal foi um sonho que se tornou realidade:

“É uma ótima oportunidade poder trabalhar em uma franquia icônica como Mad Max com um icônico cineastra. Eu comecei atuar há mais ou menos 15 anos, trabalhei em Home and Away, que foi uma época incrível, e depois tive que ir para os Estados Unidos tentar conseguir algo no mundo do cinema porque não haviam muitos filmes sendo filmados aqui na Austrália. E agora, anos depois, poder voltar para a Austrália e poder fazer esse que vai ser o meu quarto ou quinto filme aqui é como um sonho se tornando realidade. Obrigado a todos os envolvidos que fizeram com que isso fosse possível”.

Chris também falou sobre sua felicidade em poder trabalhar na franquia Mad Max:

“É realmente, de todos os trabalhos que fiz, o momento mais ‘me belisque’, porque eu cresci assistindo [Mad Max] e é tão icônico. É uma grande honra, muita pressão, mas uma pressão emocionante que é animadora”.

“Furiosa” criará centenas de empregos locais e injetará cerca de 350 milhões de dólares na indústria cinematográfica australiana, com as primeiras filmagens programadas para acontecer na cidade de mineração de Broken Hill, no interior, que imitará as paisagens pós-apocalípticas dos filmes anteriores.

Anya Taylor-Joy, conhecida por sua participação no drama de xadrez da Netflix, The Queen’s Gambit, interpretará uma versão mais jovem de Furiosa, substituindo Charlize Theron.

George Miller, o escritor e diretor da franquia, disse que estava “grato” por poder fazer o filme em seu país, acrescentando que estava animado com o papel que o cinema estava desempenhando na recuperação da Austrália da pandemia.

A Austrália foi recentemente apelidada de “Aussiewood” na mídia, devido ao número de estrelas que trocaram as colinas de Hollywood pela liberdade de Sydney.



Chris Hemsworth concedeu uma entrevista para o The Telegraph, onde falou sobre sua parceria com a BOSS, no qual ele se tornou embaixador global, seus papéis, sua preparação física, como foi passar a quarentena em casa com a família e muito mais.

Confira abaixo a entrevista traduzida:

Chris Hemsworth acaba de sair de seu banho de gelo de peito. Os banhos de gelo congelador fazem parte de sua rotina matinal.

“Eu sempre me levanto e fico muito rígido e dolorido, então para relaxar os músculos eu faço uma sauna, depois um banho de gelo para me dar uma injeção de adrenalina”, ele explica como Thor descongela. “Eu tenho um cronômetro para não congelar. É intenso, mas bastante meditativo”.

Hemsworth, de 37 anos, está se filmando Thor: Love and Thunder, filme da franquia Marvel que o tornou um semideus cinematográfico com 47 milhões de seguidores no Instagram. Recentemente, ele foi nomeado embaixador global da marca Boss, outro impulso para sua fortuna estimada de US$ 130 milhões.

Criado entre Melbourne e o Outback australiano, Hemsworth teve sua chance em 2004 depois de seguir o irmão mais velho, Luke, ao estrelato na novela, em seu caso em Home and Away. Ele saltou para Hollywood no final dos anos 2000 e venceu seu irmão mais novo, o ator de Jogos Vorazes, Liam, para o papel do deus do trovão nórdico, que mudou sua carreira em 2011.

Hemsworth as thor

Após 10 anos, três filmes de Thor e quatro dos Vingadores, Hemsworth diz que quer tentar novos projetos; “coisas que não parecem familiares”. Seu thriller de missão de resgate Extraction foi o filme mais assistido de 2020 na Netflix, e ele foi recentemente anunciado para interpretar Terry Bollea, também conhecido como Hulk Hogan, em um filme biográfico.

Hemsworth aparece sempre bem vestido e bem cuidado, e o seu riso é um rugido de marca que pontua regularmente verdades contundentes, particularmente em torno da sua imagem corporal.

Ele conseguiu encontrar um equilíbrio entre sua vida como celebridade e sua vida pessoal voltando para Byron Bay, em 2015, com sua esposa, a modelo Elsa Pataky. Seus três filhos, a filha India Rose, de oito anos, e os filhos gêmeos Sasha e Tristan, de sete anos, herdaram seu cabelo loiro despenteado, assim como sua paixão por correr solto e passar o máximo de tempo possível no oceano.

Aqui, ele nos deixa entrar em seu universo.

Você passou o ano passado em casa…

Eu não tenho isso por 15 anos. A pandemia significou sair de um avião a cada duas semanas para ficar em casa 24 horas por dia, sete dias por semana, combinando trabalho e vida familiar. Mas eu realmente gostei de estar de castigo. Não dizer adeus às crianças regularmente tem sido fantástico.

Você também teve 12 meses para se preparar para Thor

Este é provavelmente o mais fisicamente forte que já estive antes de todos os Thor’s. Ter esse tempo em casa significou que explorei métodos diferentes, para ver como posso manipular meu corpo com a quantidade certa de exercícios de levantamento de peso e musculação.

Por anos eu provavelmente treinei demais. Pessoas que fazem musculação muitas vezes não percebem que é um esporte que não deveria ser sete dias por semana, duas horas por dia. Eu estava fazendo isso no Thors anteriores, e estava ficando mais dolorido, com menos energia.

É tudo sobre os braços?

Isso é o que você mais vê. Trabalhando com meu treinador, consideramos o traje e se mostra muito ombro, ou vamos ver o bíceps ou os tríceps. Mas você quer que seja equilibrado, porque provavelmente há uma cena de sem camisa em algum lugar. Você não quer se parecer com o Popeye com uma parte do corpo explodida.

Você tem interpretado Thor por uma década – você está acostumado com o foco em sua imagem?

Existe uma estética que o papel exige. O fisiculturismo é visto como vaidade, ao passo que se eu ganhasse um monte de peso de forma não-saudável ou ficasse muito magro para um papel, provavelmente seria chamado de um ator sério. O treinamento de 10 anos fazendo isso é um trabalho de tempo integral. Isso é feito, e depois de um dia de filmagem de 12 horas – é uma verdadeira rotina. É incrivelmente recompensador também – você tem que olhar para isso como um atleta profissional.

O surf é seu exercício favorito?

Quando criança, se eu não estivesse no melhor dos espaços mentais, o oceano era um lugar para refletir. Morávamos a cerca de uma hora da praia, e minha mãe nos levava até lá às 4 da manhã para pegarmos 40 minutos de surf antes da escola.

Conforme meus irmãos e eu ficamos mais velhos, tivemos uma carona de jovens ilhéus e suas pranchas de surfe. Você tinha alguns dólares no bolso pra uma torta de carne. Algumas das minhas memórias mais felizes são de não ter dinheiro. Você está com seu saco de dormir, está no banco de trás do carro de alguém, é quente e desconfortável, mas tudo o que importa é o surf.

Como seu estilo evoluiu ao longo dos anos?

Meu estilo mudou devido às melhores influências ao meu redor, seja minha esposa ou um estilista.

Algum crime de destaque contra a moda?

Olhando para trás, para os meus dias de Home and Away, então, 17 anos atrás, havia muitas calças Bootcut jeans. Me lembro de procurar muito calças flare, ao invés de skinnies. Me faz rir pensar o quão convencido eu estava.

Boss é a marca dominante em seu guarda-roupa agora?

Quando surgiu a oportunidade de trabalhar com a seção de moda da Boss, foi uma decisão muito fácil. Não existem egos, e isso contribui para um ótimo relacionamento de trabalho quando vocês estão colaborando juntos.

Quantas etapas existem em sua rotina de higiene?

Eu uso a fragrância Boss Bottled e, em seguida, qualquer hidratante que minha esposa tenha na prateleira. Preciso me lembrar de fazer isso, porque estou começando a ver todos os danos causados pelo sol que pego no surf. E eu faço a sauna, depois o banho gelo congelador para uma enorme quantidade de endorfinas.

O que te faz dizer sim para um projeto hoje em dia?

Localização. Se for perto de onde eu moro, estou muito mais interessado agora do ponto de vista prático da família. [Thor: Love and Thunder está sendo filmado na Austrália, assim como Extraction 2].

O que você está procurando para os próximos?

Do ponto de vista artístico, sempre que sinto que já visitei aquele espaço antes, preciso encontrar um ângulo único sobre ele ou encontrar outra coisa. Quando comecei minha carreira, eu tinha muita ansiedade [em fazer testes para novos papéis]. Parte disso foi prejudicial, mas me forçou a trabalhar mais. Eu me certifiquei de que estava sempre preparado e fiz minha pesquisa. Sempre ensaio e tenho uma opinião forte sobre o roteiro.

Você está dizendo que prospera com o medo?

Quando você fica confortável demais, você não se aprofunda. Gosto desse lembrete: você pode escorregar e cair aqui, se recomponha. Acho que é uma grande motivação, sentir aquela incerteza, ter aquele pouquinho de medo batendo na porta.



Segundo a revista Marie Claire Austrália, depois de 7 anos morando na pequena cidade de Byron Bay, Chris Hemsworth e a família estão de mudança para Sydney, também na Austrália. Desde o início do ano, Chris Hemsworth está filmando na cidade, que tem atraído várias produções de Hollywood, principalmente após a pandemia do COVID-19.

“Byron tem sido ótimo”, diz Elsa Pataky para o Sydney Morning Herald. “Tomamos a decisão certa de sair de Los Angeles e vir para a Austrália em 2014 – tem sido ótimo para as crianças estarem na natureza, curtir os animais e andar a cavalo.”

Agora, a família está voltando para Sydney. “É uma experiência totalmente nova,” disse Elsa sobre morar em Sydney para seu novo filme, Interceptor, do qual Chris será produtor executivo. “Estamos adorando estar na cidade e as crianças vão à escola aqui.”

No entanto, eles não pretendem deixar a mansão recentemente reformada vazia. “Eu não posso ficar tão a vontade quanto fico em Byron Bay, mas esperamos voltar lá aos fins de semana.”

A atriz espanhola também disse que, enquanto ela ama sua terra natal, se mudar para lá não está no radar. “Eles sempre me perguntam quando voltarei pra Espanha,” ela falou sobre a família.

“Eu digo a eles, um dia. Eu amo a Espanha mas também amo muito a Austrália, e poder trabalhar aqui é maravilhoso. Os australianos me adotaram e eu me sinto amada por eles – nós temos um senso de humor parecido. Todas as pessoas espanholas que vem aqui adoram.”



TODOS OS DIREITOS RESERVADOS • Layout por CHBR & codificado por Lannie D